Dicas de logística

Dicas de logística: veja como organizar as entregas de seus produtos

A gente separou algumas dicas de logística pra te ajudar na organização e na gestão de um modo simples e de fácil execução. Não faltam conteúdos sobre esse assunto, afinal, objetivos como reduzir custos e entregar uma boa experiência de compra dependem de conhecimento sobre esse tema.

O problema é que não é fácil encontrar material adaptado aos pequenos negócios e pra quem vende em marketplace. Então, vamos mudar isso! Está aqui o que você precisa saber! 

Faça inventários por ciclo

Nada impede que você faça uma contagem completa ao final do ano, pra fechar o balanço, mas a verificação periódica é o único modo de evitar surpresas e erros graves por muito tempo.

O problema é que fica muito difícil contar todo o estoque diariamente, pois isso ocupa tempo e aumenta os custos operacionais. A solução então é contar grupos de produtos a cada vez e segundo as características dos produtos com os quais você trabalha.

Por exemplo, algumas empresas que comercializam produtos com preço elevado contam diariamente os que tiveram movimentação no dia. A lógica é que a maioria dos erros ocorre por algum problema de lançamento, quando um item é vendido ou recebido. 

Então, nesses casos, vale a pena contar apenas os produtos com entrada ou saída no dia, pra diminuir de forma drástica os erros. Depois, é só complementar a contagem de grupos de produtos em ritmo semanal, quinzenal ou mensalmente.

Mas esse é apenas um exemplo criativo sobre adaptações que podem ser feitas. Pra usar o método de contagem cíclica, o importante é separar os produtos por categorias e elaborar um cronograma de contagem, ok? Alguns sistemas de controle de estoque permitem fazer esse inventário sem parar a operação, o que ajuda bastante.

Estabeleça indicadores de desempenho

Em gestão, a gente sempre pode achar que está tudo bem com um processo, um procedimento ou um método, mas é apenas com base em números que conseguimos uma radiografia precisa e confiável, não é?

Indicadores como o tempo médio de separação de pedidos, o índice de erros nos pedidos, de falta de produtos pra venda e erros de entrega ajudam a identificar os principais gargalos. 

Afinal, sempre temos o que melhorar, mas, quando sabemos as prioridades com base nos números fica fácil decidir por onde começar. Afinal, eles revelam quais os aspectos que têm maior impacto negativo e quais ações geram mais resultados positivos.

Os indicadores também permitem que a gente acompanhe a evolução da eficiência ao longo do tempo. É apenas comparando os números que podemos identificar precisamente o quanto melhoramos e o que dá pra fazer pra acelerar os aprimoramentos. 

Melhore suas previsões de demanda

O processo logístico começa com uma boa previsão. Quanto mais precisa e detalhada ela for, menores os riscos de exagerar no tamanho do estoque, ou fazer o contrário, gerando falta de produtos e prejudicando as vendas. 

Pra entender a importância disso, imagine uma empresa com grande crescimento. A cada mês, ela aumenta a receita bem acima da concorrência e consegue fazer isso com um alto índice de lucratividade. É uma cena perfeita, não é?

Mesmo em uma situação dessas, se o estoque crescer acima do ideal, o lucro adicional pode nunca aparecer no caixa na forma de recursos financeiros. Afinal, todo o excedente é gasto pra comprar acima do que é efetivamente vendido.

Em outras palavras, o crescimento está ocorrendo, mas o resultado está imobilizado nas prateleiras, na forma de produtos, não de rentabilidade, como dinheiro em caixa.

Elabore mapas de entregas

A logística também depende de mapeamento, que é fundamental para um planejamento bem-sucedido. Mapas podem diminuir custos de entregas, os prazos e os desperdícios, pois ajudam a otimizar custos e a alinhar os processos com os seus parceiros.

Se você fizer entregas próprias em alguma região, o mapeamento é ainda mais importante. Você tem aspectos operacionais pra cuidar, o que pode gerar altos custos e atrapalhar o foco, especialmente se o setor não estiver muito bem organizado. 

Invista em tecnologias

Já usamos o exemplo da contagem cíclica pra evidenciar a contribuição da tecnologia pra logística. Mas existem várias outras possibilidades e aplicações. No caso da venda por meio do Magalu Marketplace, por exemplo, contar com integrações funcionais faz enorme diferença na eficiência e nos custos.

Sistemas operando de modo integrado automatizam vários processos e procedimentos, o que simplifica a operação e diminui prazos e custos. Além disso, também é fundamental manter atenção com relação às inovações da transformação digital.

Sistemas de geolocalização e automação dos depósitos prometem uma revolução na logística. Acha que essas novidades estão longe de sua realidade? Saiba que elas estão cada vez mais acessíveis. O cenário muda o tempo todo! 

Essas transformações também envolvem algumas medidas e práticas voltadas à sustentabilidade, como a logística reversa, que é mais facilmente controlada com o uso de tecnologias adequadas.

Analise o layout do centro de distribuição

Ainda que as tecnologias sejam importantes, boa parte da logística ocorre no mundo real. Não é? Podemos dizer que essa é a área que faz a ponte entre o mundo online e o offline, mas desde que o layout esteja organizado pra otimizar os processos.

Por isso, é fundamental analisar o layout e os gargalos que ele apresenta. Os problemas podem envolver falta de alinhamento, como um produto registrado em uma unidade, mas estocado em outra.

Nesse caso, mesmo que você tenha desenvolvido um alto nível de excelência nos lançamentos e nos controles, podem ocorrer situações desastrosas. Já imaginou precisar com que colaboradores passem horas em busca de um produto?

Na outra ponta, estará o consumidor reclamando e insatisfeito, se o resultado for um atraso exagerado ou o envio de um modelo de produto diferente do pedido.

Conheça o Magalu Entregas

O Magalu Entregas foi pensado pra que você conte com os benefícios de uma grande estrutura logística. Assim, você pode operar com preços melhores — negociados com base em grande volume de entregas —, e contar com a experiência e controle dos nossos serviços. Se ainda não usa o sistema, vale a pena conhecer como ele funciona. 

Nossas dicas de logística não podiam terminar sem insistir na ideia de que esforços e investimentos nessas melhorias devem ser constantes. Os concorrentes vão fazer a mesma coisa e, por melhor que façamos, se ficarmos parados, um dia eles nos alcançam.  

Agora, vamos interagir sobre o tema! Conte tudo nos comentários abaixo! O time do Magalu Marketplace quer muito te ouvir e ajudar no seu sucesso com as vendas online!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa