Estratégia para vendas

Veja as 9 melhores estratégias de vendas online para o seu negócio!

Migrar a loja física para o ambiente virtual não é nada fácil. Afinal, não estamos falando apenas de uma plataforma diferente. Os processos mudam, e é preciso redesenhar todas as atividades pra dar conta: não apenas das estratégias de vendas online, mas também das ações de marketing, do financeiro, da logística e do pós-venda.

Um tanto de trabalho, não é? E pra fazer dar certo, é importante colocar em prática as melhores estratégias de vendas online. Sabe quais são? Neste post, vamos compartilhar as principais recomendações do mercado.

Entenda com o blog do Magalu quais são as 9 melhores estratégias pra vender pela internet que farão sua loja virtual ganhar visibilidade e crescer com saúde!

Como funciona o processo de vendas?

Pra você que já tem experiência com vendas na sua loja e quer migrar pra um canal online, é importante saber que existem diferenças importantes. E se há diferenças, a estratégia precisa ser adaptada, certo?

Então, pra ajudar você, vamos mostrar um passo a passo do processo em cada etapa da venda!

Pré-venda

Vamos considerar que o cliente já está na página de vendas e está decidido a comprar. Ele vai navegar pelo site, usar campos de busca, encontrar o produto e ler todos os detalhes sobre o item que deseja.

Após colocar o produto no carrinho de compras virtual, o cliente vai entrar na página de pagamento, ou checkout, inserindo todas as informações do meio de pagamento escolhido. É assim que o pedido tem início pra chegar até você.

Venda

Nesse momento, o administrador do site recebe o pedido, que vai ser direcionado para o setor financeiro, pra dar sequência ao processo de cobrança. Essa é a hora de verificar as informações cadastradas pelo cliente e validar o pagamento. Se tudo estiver certinho, o vendedor aprova a compra.

Com a aprovação, o cliente recebe uma mensagem de que está tudo certo com o pedido e que ele pode esperar a entrega. Ao mesmo tempo, é emitida a nota fiscal da compra.

Pós-venda

Após o processo de venda ser aprovado, começam os trabalhos de preparação do produto, como separação no estoque, embalagem e envio à transportadora.

Outro ponto importante do pós-venda, que não pode ser esquecido, é iniciar uma série de ações pra fortalecer a relação com o cliente. Por exemplo, uma estratégia bem legal que as empresas fazem é enviar uma mensagem pedindo opiniões sobre a venda e o produto.

Deu pra entender esse processo de vendas? É fácil, viu? Mas, pra dar certo, você precisa se ligar em mais alguns pontos. Vamos passar por eles nos próximos tópicos.

Quais são as fases da estratégia de vendas?

Você já sabe que existe um momento de pré-venda, as negociações em si e o que vem após a compra. Agora, vamos considerar um cenário mais amplo, que vai manter o movimento financeiro do seu negócio. Se liga!

Encontrar clientes

É muito fácil falar em boas práticas e regrinhas de estratégias de vendas online na teoria. Mas, na prática, se não tem clientes para os quais oferecer seus produtos, lá se vão as suas expectativas. É por isso que você precisa encontrar aqueles potenciais consumidores que terão interesse nas suas soluções.

Mais adiante, vamos falar sobre personas. Elas são uma boa maneira de estudar o mercado e descobrir o grupo de consumidores que podem se interessar pelos produtos.

Em seguida, vem a ação. Como vai chegar a eles? Pelo Marketing Digital, existem várias formas: blog, SEO, e-mail marketing e por aí vai. Calma que explicamos isso também ainda neste post!

Conquistar clientes

Encontrou potenciais clientes? Maravilha! Agora não vá pensando que isso é tudo, porque ainda há a etapa de convencê-los a fechar negócio com você pra adquirir o produto. Com diversas opções na internet, bem sabemos que a concorrência é acirrada. A ideia é provar que a sua solução é melhor que a do site vizinho.

Aí entram as técnicas de vendas e persuasão. Vale ouvir o cliente pra saber quais são suas necessidades e criar uma conexão, oferecer promoções ou brindes e assim por diante. Faça-o entender que o sucesso dele é o seu também!

Manter clientes

À medida que você aprimora as técnicas de vendas, percebe a importância do pós-vendas. Aquele diálogo sincero pode trazer boas ideias pra suas próximas negociações e pra garantir a satisfação do consumidor que seus produtos conquistaram. O marketing de relacionamento tem muito a acrescentar nesse sentido.

É assim que você vai saber o momento certo de oferecer outro produto ou mesmo a reposição do que foi adquirido. Sem forçar a barra ou incomodar o seu cliente, a ideia é manter a relação de respeito e confiança. Outra ideia é enviar materiais de grande utilidade ao seu público, como e-books sobre cuidados e dicas de uso, infográficos informativos etc.

Vender pra base de clientes

Nesse universo de vendas online, já ouviu falar que é mais caro e trabalhoso adquirir novos clientes do que manter os da sua base? Isso é bem verdade! Por isso, que tal trabalhar com os consumidores com os quais você tem esse bom relacionamento que comentamos? O envio das novidades e as técnicas para manter o interesse nesses produtos podem ajudar bastante.

A experiência do cliente pode ser enriquecida se houver uma nova solução que complemente a que ele já tem, por exemplo. E que jeito melhor de instigar o interesse do que por meio de programas de bônus, vantagens e fidelidade? Seus consumidores já sabem da qualidade do seu negócio, agora basta um empurrãozinho.

Quais são as melhores estratégias pra vender pela internet?

Se você já começou a vender pela internet, deve ter percebido que as coisas no ambiente virtual são um pouco diferentes do que na loja física. E são mesmo. Então, lá vão algumas dicas!

1. Definir a persona

Pra definir estratégias de venda online para as pessoas certas, é preciso conhecer o seu público. Uma das melhores maneiras de fazer isso é por meio da definição da persona.

Ela nada mais é que um personagem semifictício que representa os clientes ideais para o seu negócio. Para criar a persona, vale a pena reunir alguns dados sobre os seus clientes fidelizados, como idade, profissão, rotina, principais problemas e como a sua empresa pode ajudá-los.

Para isso, peça para que eles respondam a alguns formulários e ajudem na pesquisa. No entanto, sempre se lembre de pedir o consentimento dos clientes pra coletar esses tipos de dados e informar que eles serão utilizados para melhorar os serviços do negócio.

2. Ter objetivos bem definidos

Também é preciso saber por que você está vendendo online. É pra conseguir uma maior lucratividade? É pra que mais pessoas conheçam o negócio? Ter objetivos bem definidos vai ajudar a decidir quais serão os próximos passos para o crescimento da empresa.

Os objetivos também influenciam nas escolhas simples do dia a dia do negócio, como o estoque, as finanças e o marketing. Por isso, sempre tire um momento pra definir as metas e faça com que todas as pessoas envolvidas na empresa as compreendam e colaborem pra atingi-las.

3. Ter autoridade

A autoridade é uma das bases de uma loja virtual de sucesso em vendas. No mundo online, isso significa que você precisa ser uma referência no seu mercado de nicho. Ou seja, você deve estar em primeiro lugar na mente das pessoas quando se fala em produtos como os que seu negócio vende.

Por exemplo, digamos que você vende roupas. Nesse caso, vai concorrer com muita gente, e ser autoridade vai ser complicado. Mas daí é possível afunilar. E se a loja fosse especializada em moda praia plus size? Não concorda que seria mais fácil ganhar destaque e se tornar uma referência no segmento?

Nichar a loja não é a única forma de ganhar autoridade. Outra estratégia que dá bastante certo é produzir conteúdos que eduquem o público. Os clientes em potencial precisam ver sua marca como a empresa que sabe o que está fazendo, que tem conhecimento até pra ensinar outros. Um tipo de conteúdo bem eficiente é a produção de posts em seu blog. Use esse canal pra tirar dúvidas, criar tutoriais e fazer recomendações!

4. Investir em marketing digital

Se você deseja iniciar uma estratégia de venda online, o marketing digital precisa ser a principal ferramenta. Já falamos sobre a produção de conteúdo por meio do blog, e é verdade que esse instrumento faz parte do marketing digital.

Mas é importante entender como isso funciona de modo mais amplo, sabe? Então, podemos dividi-lo em dois tipos de divulgação: orgânico e pago. O tráfego orgânico serve pra garantir que o público vai conseguir encontrar o conteúdo nos resultados de busca do Google ou de redes sociais, sem que seja necessário pagar. Bom demais, né?

Quando essas pessoas encontrarem você, use materiais ricos, como e-books, planilhas ou webinários. Assim, dá pra capturar o e-mail delas e começar sua campanha de e-mail marketing. Isso vai ajudar a estreitar o relacionamento com o público.

O tráfego pago também não deve ser deixado de lado. É possível utilizar plataformas como Google Ads ou Facebook Ads pra anunciar produtos. Assim, sua loja será vista pelos seus futuros clientes.

Ebook como vender mais no marketplace

5. Ter presença nas redes sociais

Tenha certeza de que boa parcela dos seus clientes em potencial está nas redes sociais. Existem muitas plataformas, e você pode se concentrar naquelas mais populares entre os usuários que fazem parte do seu público. Afinal, dedicar-se a publicações que não serão vistas não traz bom retorno, não acha?

Redes sociais são uma ótima oportunidade de expor produtos, promover conteúdo ou manter ativa a comunicação com a audiência. Então, se sua empresa ainda não tem um perfil em uma rede social, o que está esperando? Crie-a agora mesmo! Ah, e mantenha uma boa frequência nas publicações, falando a língua dos seus consumidores, é claro.

6. Usar e-mail marketing

O e-mail ainda é uma boa plataforma pra investir no marketing. Por ele, dá pra divulgar promoções, oferecer cupons de desconto, avisar quando tem coisa nova na loja, fazer um bom atendimento pós-venda e, até mesmo, enviar uma newsletter.

Sabe a ideia de produzir conteúdos pra se aproximar do público? Ela é muito útil aqui no e-mail marketing. Dicas simples para o dia a dia, que estejam relacionadas com a sua loja, podem ser escritas em poucos parágrafos.

Assim, você faz com que a marca fique na mente dos clientes e consegue criar mais autoridade no mercado. Isso sem contar que é um investimento de baixo custo e que ajuda no aumento das vendas.

7. Preocupar-se com o design

O design vai dar a cara da sua empresa. É por ele que se constrói a identidade visual do negócio, fazendo com que as pessoas reconheçam a loja ao se depararem com logotipo, nome ou estética.

Por isso que também é importante se preocupar com a construção de uma boa identidade visual, apostando no melhor do design pra caprichar na apresentação da sua loja, seja nas redes sociais, seja no site.

8. Utilizar vídeos

Usar vídeos pra apresentar o trabalho, educar o público, divulgar a empresa ou fazer webinários é outra estratégia e tanto. Pra fazer com que os clientes tenham acesso aos seus conteúdos, publique postagens nas redes sociais que eles usam.

Lembra quando você construiu a persona e reuniu alguns dados sobre a rotina dela? Ali podem estar informações sobre as redes sociais que os clientes mais acessam. Por exemplo, se o seu público é jovem, o Instagram e o YouTube são boas apostas.

Assim, encontre as plataformas mais favoráveis pra postar os seus vídeos e, se quiser potencializar o alcance, invista nos anúncios. O Facebook Ads, YouTube Ads e Instagram Ads ajudam muito a trazer novos clientes pra loja.

9. Interagir com o público

Outra das estratégias de vendas online eficientes é interagir com o público. As pessoas gostam de lojas que conversam com elas e que parecem mais acessíveis. Por isso, além de marcar presença nas redes sociais, aproveite o espaço pra responder aos comentários e às mensagens dos clientes.

Além disso, deixe um canal de comunicação no site da loja pra que os consumidores entrem em contato sempre que precisarem. Só não se esqueça de respondê-los rapidamente e de avisar sobre o tempo máximo que pode levar pra retorná-los.

Como uma boa estratégia para vendas online pode impulsionar o negócio?

Com uma estratégia de vendas online forte, você vai conseguir ver o negócio crescer de uma maneira incrível. Acontece que as lojas virtuais têm vantagens muito interessantes, especialmente se a gente pensar nesta época de pandemia e de distanciamento social.

Com uma boa estratégia de vendas online:

  • a empresa fica conectada 24 horas, 7 dias por semana;
  • o alcance físico do negócio vai além da região de abrangência;
  • a base de clientes aumenta significativamente;
  • a comunicação com os consumidores é mais direta;
  • o lucro pode ser aumentado enquanto caem os custos de manutenção da loja.

Definir boas estratégias de vendas online vai fazer seu negócio decolar. Esperamos que as dicas do blog do Magalu tenham ajudado você a tomar as melhores decisões pra aumentar a visibilidade do negócio e levar sua empresa ao sucesso!

Quer potencializar as vendas? Então, baixe agora mesmo o nosso e-book e aprenda como vender mais no Magalu Marketplace!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa