ficha técnica de produto

Ficha técnica de produto: veja sua importância e como montar uma

Quando o consumidor pesquisa por um produto é comum que ele deseje conhecer os detalhes do item pra entender exatamente o que está comprando. No caso dos marketplaces o objeto não está ao alcance das mãos, por isso a busca por informações detalhadas é ainda maior. Dessa forma, é fundamental sempre disponibilizar a ficha técnica de produto.

No post de hoje, você vai entender o que é ficha técnica, qual a sua importância e conhecer 5 dicas de como fazer para montá-la. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue conosco e confira o que preparamos pra você!

O que é ficha técnica de produto

A ficha técnica de produto nada mais é do que uma tabela que contém a lista de todos os materiais que foram usados para produzir um determinado item. São vários os modelos de ficha técnica, o que vai depender do tipo de produto.

Diferente do campo de informações em que são mostrados dados gerais do item anunciado, a ficha técnica apresenta dados mais específicos como dimensões (altura, largura e profundidade), peso e capacidade. Desse modo, o cliente tem uma visão mais clara do item que pensa em comprar, permitindo que ele faça a comparação com outro produto similar para escolher a melhor opção.

Como funciona

Antes de qualquer coisa, é importante entender que a ficha técnica deve conter apenas dados técnicos e objetivos. Ou seja, trata-se de uma espécie de guia com informações que, além de agregar valor ao produto, ajudam o usuário a se sentir mais seguro.

Para facilitar a compreensão, vamos dar como exemplo um aparelho celular. Em geral, a decisão de compra não acontece apenas porque o cliente gostou das fotos do produto, não é mesmo? Outros pontos relevantes vão pesar mais na decisão, já que o usuário precisa estar certo de que o artigo é capaz de suprir suas necessidades.

Nesse caso, a ficha de um aparelho celular deve conter informações como tamanho da tela, memória, capacidade da bateria, funções disponíveis, tempo de carregamento, itens adicionais que acompanham o a mercadoria (carregador, cabo USB) etc. Só assim o consumidor vai ter uma visão mais completa sobre o item e tomar a decisão de adquiri-lo.

Deu pra entender que a ficha de dados do aparelho não deve ser elaborada como se fosse ser usada como um manual pelo usuário, não é mesmo? Tampouco se trata de uma descrição do produto mais aprofundada, usando argumentos de vendas e uma linguagem publicitária com o objetivo de encantar o cliente.

A importância da ficha técnica

Mostrar uma tabela com a ficha técnica completa, fornecendo ao usuário do seu e-commerce todas as informações possíveis sobre o produto que ele deseja adquirir pode fazer toda a diferença na hora de tomar a decisão de compra. Quando não tem todas as informações necessárias ao alcance da mão, o comprador pode facilmente buscá-las em outro site, fazendo com que você perca a venda.

Se tratando de compras online o consumidor pode sentir resistência a comprar uma determinada mercadora. Afinal, não é possível ver o produto ao vivo, tocá-lo e ter uma real percepção sobre ele, e nem sempre as fotos pra loja virtual são o suficiente para convencê-lo.

Além disso, ter acesso todas as informações sobre o artigo ajuda a reduzir a taxa de devolução no e-commerce, já que as chances de o cliente ficar insatisfeito com a compra diminuem.

5 dicas de como criar uma ficha técnica simples e completa

Entendeu a importância de ter uma ficha técnica do seu produto? Agora, não pense que criá-la exige uma grande complexidade. Pra ajudar nessa tarefa, confira as dicas de como montar uma ficha da maneira correta e de fácil compreensão.

1. Liste todos os itens que fazem parte do produto

O primeiro passo para uma ficha completa é anotar cada item que compõem o produto. Não se esqueça de incluir os acessórios que, porventura, acompanhe o artigo principal.

Se você optou por vender roupas online, por exemplo, descreva quais são os tecidos utilizados e outros elementos que fazem parte da peça, como forro, zíper, botões, entre outros. No caso de alimentos, identifique quais são os ingredientes que fazem parte dele, além de outras matérias-primas utilizadas.

2. Inclua informações sobre as dimensões

Acrescente à sua lista detalhes sobre as dimensões do produto, como altura, largura e profundidade. No caso das roupas, não deixe de incluir também qual o tamanho da peça (P, M G). Para os alimentos, você deve descrever as informações nutricionais, além do peso final da mercadoria.

3. Acrescente detalhes da aparência do artigo

Outro detalhe que não deve ficar de fora na hora de criar a ficha técnica de um produto são as informações relacionadas à sua aparência. Esse é um detalhe importante quando a venda é feita no ambiente online, onde o cliente não pode visualizar o objetivo ao vivo. Sendo assim, destine um espaço pra informar sobre a cor, marca, modelo etc.

4. Confira se as informações estão corretas

Antes de preencher os dados técnicos nos espaços correspondentes do marketplace, certifique-se de que as informações estão corretas. Se necessário, faça uma pesquisa ou entre em contato com o fabricante ou fornecedor do produto. Isso vai evitar dados incorretos ou incompletos, garantindo uma ficha técnica confiável.

Também é importante tomar cuidado com erros ortográficos e evitar usar símbolos. Após preencher todos os dados, faça uma revisão pra ter a certeza de que nenhum detalhe passou despercebido. Esses cuidados vão evitar que o consumidor tenha dúvidas ou desconfiança em relação ao item, além de reduzir as taxas de arrependimento de compra.

5. Crie o código do produto

Mesmo fazendo parte de uma mesma categoria, cada artigo deve ter o seu próprio código de identificação. Sendo assim, se você oferece variedade de cores da mesma peça de roupa, cada cor deve ter um código. O mesmo acontece com a variação de sabores de um mesmo alimento, por exemplo.

Viu só como não tem nenhum mistério pra construir uma ficha técnica de produto e garantir que nenhuma venda seja perdida por falta de informações ao consumidor? Agora que você entendeu a importância de montar uma ficha completa, não deixe de dedicar um tempo para elaborá-la.

Achou a leitura útil? Aproveite para ler nosso artigo com dicas pra criar as melhores descrições de produto!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa