loja virtual e marketplace

Loja virtual e marketplace: tudo o que você precisa saber

Tem dúvidas entre loja virtual e marketplace? Ambas são ótimas maneiras de manter o seu negócio online e garantir mais vendas. Contudo, essas são plataformas que apresentam algumas diferenças entre si, e conhecê-las é essencial pra definir as melhores estratégias de sucesso.

Por esse motivo, que tal saber tudo o que você precisa sobre loja virtual e marketplace? É isso que queremos mostrar neste post. Acompanhe e fique por dentro do assunto!

O que é uma loja virtual?

Para começar, nada melhor do que entender o que é cada um desses canais de venda. A loja virtual, como o próprio nome diz, é um espaço em que você pode comercializar seus produtos e serviços utilizando a internet como principal recurso.

Vender online é uma excelente iniciativa pra quem tem como objetivo alcançar um maior público, expandir as possibilidades e abrir um negócio, sem precisar de grandes investimentos.

Só que, para isso, é importante saber que a dinâmica de negócio em uma loja virtual é diferente de um comércio físico. Afinal, o ponto de vendas, o horário de funcionamento, o mecanismo de pedidos, entre vários outros fatores, mudam.

Sendo assim, pra ter sucesso ao abrir uma loja virtual ou integrar o negócio físico ao ambiente online você vai precisar adaptar as estratégias. Mas não se preocupe que já vamos mostrar uma tática de ouro pra você.

O que é um marketplace?

Já o marketplace é uma plataforma que junta diversas lojas em um mesmo ambiente. A lógica é a mesma de um shopping: um espaço, em que um grande número de pessoas transita diariamente, com variadas opções de comércio para entrar.

Esse canal de vendas chama muito a atenção dos empreendedores por conta das vantagens que ele oferece. Afinal, é possível ter ao seu dispor um ambiente pronto pra iniciar os negócios, com menos preocupações pra lidar.

Não sabia que isso era possível? O marketplace, geralmente, é criado por uma marca reconhecida no mercado. Desse modo, mais pessoas acessam a plataforma pra conferir os produtos, pois sabem que o site é confiável e seguro pra comprar.

Já as empresas podem aproveitar essa parceria pra apresentar os produtos a mais pessoas e ainda oferecer vantagens aos clientes, como diversos meios de pagamentos, entrega rápida, segurança no processo de compra e muitas outras.

Qual é a diferença entre loja virtual e marketplace?

Ok, pode parecer difícil identificar a diferença entre loja virtual e marketplace. Afinal, ambos são canais de vendas online e que podem abrir portas pra montar o negócio dos seus sonhos.

Só que a loja virtual, por sua vez, é criada inteiramente pelo empreendedor. Desse modo, toda a preocupação da construção do site, otimização do sistema, marketing, disponibilidade de pagamentos, organização logística e financeira e diversas outras funções são de sua responsabilidade.

No marketplace, o que o lojista precisa fazer é cadastrar os produtos, prestar um atendimento de qualidade e garantir o envio dos pedidos. Todo o resto, como hospedagem do site, atração dos clientes, meios de pagamento, segurança digital e repasse dos valores fica por conta da própria plataforma.

Em troca, a empresa do marketplace ganha em visibilidade e credibilidade no mercado, além de uma parcela definida no contrato do total das vendas. A loja virtual também não fica sem vantagens. Muito pelo contrário! Afinal, tem acesso a benefícios como:

  • público maior;
  • menos burocracias;
  • popularidade;
  • praticidade;
  • redução de custos;
  • menores investimentos;
  • novo canal de vendas.

Como integrar uma loja virtual com o marketplace?

Lembra da dica de ouro que íamos compartilhar com você? Então saiba que uma estratégia muito eficaz pra ter sucesso ao vender online é ter uma loja virtual própria e também utilizar o marketplace.

Assim, é possível aproveitar os diferenciais e os benefícios de ambos os pontos de vendas pra impulsionar o seu negócio e ter acesso a melhores oportunidades de crescimento. Entretanto, para que essa ideia funcione na prática, é preciso saber como integrar uma loja virtual com o marketplace.

O primeiro passo nessa jornada é encontrar o marketplace que você gostaria de fazer parceria. Mas, antes disso, verifique também os diferentes tipos de plataforma pra encontrar aquela que mais se encaixa com o seu modelo de negócios.

Para saber com quem fechar parceria, lembre-se sempre de apostar em empresas confiáveis, com reconhecimento no mercado, além de avaliar o custo-benefício dessa decisão.

Passada essa fase, chega a hora de cadastrar os dados da loja no marketplace. Esse é um processo totalmente simples e que passa por uma análise da empresa, a fim de confirmar as informações. Depois da aprovação, é só dar início às vendas.

Quais são as funções de um integrador de marketplace?

Ter loja virtual e marketplace ao mesmo tempo parece ser um bicho de sete cabeças? Essa é uma das preocupações de muitos empreendedores, já que é preciso alinhar as vendas nos dois canais pra cuidar da gestão financeira e de estoque.

E se a gente contar que existe uma ferramenta que torna todo esse trabalho mais simples? Esse é o papel do integrador de marketplace. Com o recurso, tudo acontece de forma automática e você precisa administrar os pedidos em apenas uma tela.

Isso evita confusão na preparação das vendas e erros de estoque. Sem mencionar que ele poupa a necessidade de aumentar a quantidade de colaboradores ou a demanda de trabalho pra lidar com duas plataformas ao mesmo tempo.

Quer saber o que mais um integrador de marketplace pode fazer pela sua loja? Veja só a lista a seguir!

Gestão de pedidos

Organizar vendas nem sempre é uma tarefa fácil, não é mesmo? Principalmente em épocas em que há um grande volume de pedidos, é natural que ocorram erros e confusões.

No entanto, quando isso ocorre com frequência, pode ser um prejuízo para a reputação do negócio e para as finanças. Por isso, é importante evitar confusões e problemas durante a administração dos pedidos.

A boa notícia é que o integrador de marketplace serve justamente pra isso. Com o sistema, você visualiza todos os pedidos pendentes, as vendas passadas e os processos atuais, com acesso às informações que precisa pra fazer uma boa gestão.

Dessa forma, é possível preparar o envio de cada pedido de maneira organizada e ter uma rotina de trabalho mais tranquila. Para quem tem colaboradores na loja, essa é uma vantagem e tanto, já que ajuda também no processo de treinamento e adaptação.

Centralização do controle de estoque

Como você viu, uma das primeiras perguntas que se passam na mente dos empreendedores quando pensam em vender tanto na loja virtual quanto no marketplace é: e o estoque?

No entanto, com o integrador de marketplace, não há com o que se preocupar. É possível centralizar todos os pedidos que ocorrem na loja e na plataforma, e ter tudo em um mesmo sistema. Dessa forma, há o controle efetivo do estoque.

Portanto, não precisa ter medo de realizar vendas de produtos que já se esgotaram. Desde que você atualize o sistema com frequência e faça um bom inventário, a gestão de estoque é garantida.

Replicação de anúncios

Pensou que as vantagens acabavam por aqui? Então se enganou! Imagine como seria mais simples se todos os anúncios que você produzisse para a loja fossem válidos para as vendas no marketplace e vice-versa.

É possível sentir o cheirinho de praticidade só de pensar, não é mesmo? Você provavelmente vai ficar feliz ao saber que o integrador de marketplace também proporciona essa facilidade.

Assim, as estratégias de marketing digital e a implementação das ações planejadas se tornam ainda mais eficientes. Os resultados da replicação dos anúncios? É possível vender mais, atrair novos consumidores e garantir um maior número de clientes fidelizados.

Importação de cadastro de produtos

Para quem trabalha no comércio, o cadastro de novos produtos pode ser um pesadelo muitas vezes, pois envolve tempo e atenção. Os profissionais que não gostam dessa função sentem até um arrepio só de imaginar fazer esse processo duas vezes, na loja virtual e no marketplace.

Você se identifica com essa descrição? Então vai gostar de saber que com as funcionalidades do integrador de marketplace não é necessário repetir todo o processo. Afinal, o sistema importa os dados dos produtos cadastrados para ambos os canais.

Sendo assim, a única preocupação precisa ser a definição dos produtos, considerando todas as informações relevantes. Quer uma dica? Capriche na descrição. Dessa maneira, os clientes podem ter a sensação de conhecer os itens, antes mesmo de ter contato direto com eles.

Utilização de relatórios

Quer saber como estão as vendas do seu negócio? Os relatórios são ferramentas úteis para isso e não podem faltar no dia a dia de um empreendedor. Contudo, gerar esses documentos de forma manual pode envolver bastante trabalho.

Por outro lado, todo esse esforço pode ser substituído por alguns cliques no integrador de marketplaces. Esse sistema é capaz de unir as informações dos canais de venda e entregar tudo o que você precisa pra fazer a análise.

Entretanto, aproveite bem esses dados. Por meio das informações do estado das vendas do negócio, é possível definir estratégias de marketing, fazer novos investimentos, prevenir riscos financeiros e tomar várias outras decisões inteligentes.

Como escolher um integrador de marketplace?

Para desfrutar de todas essas funcionalidades, é interessante contar com um integrador eficiente. No entanto, pra encontrar o sistema mais alinhado às propostas da sua loja, vale a pena seguir alguns cuidados. Veja, a seguir!

Verifique a capacidade de pedidos

Praticamente todo tipo de sistema tem, pelo menos, uma limitação. Com o integrador de marketplace não seria diferente. Por isso a importância de consultar a capacidade do software antes de fazer a escolha.

O ideal é que o integrador tenha a capacidade de suportar o volume médio de pedidos que a loja virtual costuma ter, considerando também a sazonalidade. Assim, você garante que o sistema vai funcionar nos períodos em que houver um aumento considerável de vendas.

Confira se há certificado

Os integradores geralmente contam com um selo de parceria com um marketplace. Essa medida permite que os negócios saibam que esse sistema é seguro e confiável, garantindo uma experiência mais positiva.

Observe como é o suporte

É comum que aconteçam imprevistos ou que você tenha dúvidas sobre o uso do integrador de marketplace. Nesses casos, entrar em contato com o suporte ao cliente se torna essencial pra resolver os problemas.

Entretanto, é indispensável que esse atendimento seja bom o suficiente pra atender às expectativas e solucionar os casos. Desse modo, que tal conferir como a empresa desenvolvedora do sistema oferece esse suporte?

Antes de fazer a escolha, entre em contato pelos canais de atendimento e tire todas as dúvidas que possam surgir sobre o assunto. Aproveite esse momento pra avaliar como foi a atenção recebida e veja se a empresa passa a confiança que você precisa.

Veja como é feito o cadastro

Só de pensar em utilizar um integrador de marketplace é possível perceber que o que você busca é praticidade no dia a dia da loja virtual. Desse modo, a ferramenta não pode impedir que o seu objetivo seja atingido.

Por essa razão, é necessário que o cadastro da empresa e dos produtos seja simplificado. Assim, é possível lidar com o sistema no dia a dia, sem dores de cabeça, e aproveitar mais as vantagens de contar com uma integração.

Considere os custos

Cada integrador define os preços e as condições de uso do sistema. Desse modo, esse é mais um fator relevante na hora da escolha. Afinal, a ferramenta não deve comprometer de forma alguma a organização financeira do seu negócio.

Sendo assim, antes de tomar a decisão, faça uma avaliação do orçamento disponível da sua loja para essa finalidade. Em seguida, avalie as opções de integradores que estão dentro desse limite e escolha aquela que ofereça o melhor custo-benefício.

Quais são as vantagens de fazer a integração da loja virtual?

Ainda não consegue decidir se vale a pena ou não vender os produtos na loja virtual e no marketplace ao mesmo tempo? Então isso significa que você não pode ir embora antes de conferir as principais vantagens de unir os canais.

Antes de dar início à lista, é importante ressaltar a necessidade de contar com um plano de negócios estratégico. Assim, você tem de tudo para definir as ações da empresa e dar passos em busca de um desenvolvimento sustentável.

Nesse planejamento, vale a pena estabelecer metas, considerar os pontos fortes e fracos do negócio, inserir informações de uma pesquisa de mercado e considerar o perfil dos seus clientes ideais.

Para que fazer tudo isso? É simples! Quanto mais detalhado for o plano de ação, mais fácil será para tomar as decisões de sua empresa. Isso vale também para escolher se é interessante ou não integrar a sua loja virtual ao marketplace.

Como sabemos que você gosta de se inspirar em boas informações, reunimos as principais vantagens que o seu negócio pode obter ao passar pelo processo de integração ao marketplace. Vamos lá?

Aumento das vendas

Um dos resultados mais visíveis é o aumento do número de produtos vendidos. O crescimento de pedidos em uma loja é uma das principais metas de negócios, pois possibilita uma maior produtividade e lucratividade.

O marketplace garante mais visibilidade para o negócio, enquanto a loja virtual permite personalizar o ponto de venda, deixando a identidade visual da sua marca na mente do público. Unir essas duas vantagens seria excelente, não é?

Inclusive, é possível pensar também nos benefícios que chegam como consequência. Por exemplo, com mais vendas, é possível deixar o seu negócio mais conhecido no mercado. Esse impacto é ótimo pra atrair mais clientes e alcançar o topo do segmento em que você atua.

O lucro obtido nesse aumento no volume de vendas pode ser convertido em investimentos para a própria loja, fazendo com que o negócio cresça cada vez mais. Sejam ações de marketing, melhorias no site, criação de novos produtos, entre várias opções, é possível estar em constante desenvolvimento e alcançar o sucesso esperado.

Automatização de processos

O integrador, muitas vezes, trata-se de um sistema de fácil uso e muito eficiente para a automatização. Ter os processos do dia a dia otimizados faz toda a diferença no crescimento de um negócio, principalmente por poupar tempo e gastos.

Um exemplo disso é a diminuição de erros. Com as atividades de vendas automatizadas por um sistema, não é preciso inserir todas as informações e controlá-las de forma manual, reduzindo as chances de cadastrar dados erroneamente.

Consequentemente, não há a necessidade de retrabalho, nem os prejuízos envolvendo esses potenciais problemas. Dessa forma, toda a atenção pode se voltar pra outros aspectos essenciais no desenvolvimento do negócio e no aumento das vendas.

Vale ressaltar também que a automatização é uma tendência no mercado de empresas inovadoras. Com as funcionalidades das ferramentas tecnológicas, é possível posicionar a sua loja como um negócio moderno e alinhado à transformação digital, despertando a atenção dos consumidores que valorizam a inovação.

Redução de custos

Acabamos de citar um exemplo que mostra como você pode economizar dinheiro ao investir em um integrador de marketplace. No entanto, as vantagens não param só por aí.

Associar o marketplace à loja virtual também garante que despesas envolvendo o trabalho em duas plataformas sejam reduzidas ou cortadas. Por exemplo, em pequenas empresas é preciso apenas um profissional responsável por acompanhar a integração dos pedidos, sem a necessidade de contratação de novos colaboradores para essa função.

Mais agilidade

Outra grande vantagem de contar com um sistema de integração é a agilidade nos processos. Se todas as tarefas fossem realizadas manualmente, os pedidos seriam totalmente processados em um tempo muito superior. Nesse caso, bastam apenas alguns segundos para que tudo fique pronto.

Para um negócio virtual, toda agilidade é excelente, pois permite acelerar a preparação e fazer um envio rápido. Dessa forma, os clientes podem receber as compras dentro do prazo e se sentirem mais satisfeitos.

A agilidade também é importante para o controle de estoque. Quando os clientes colocam um produto no carrinho, por exemplo, e passam para as fases de conclusão do pedido, esse item fica indisponível pra compra, pois é considerado como vendido.

No entanto, quando ocorrem imprevistos, desistência ou a falta de aprovação do pagamento, o produto se torna novamente disponível. Com sistemas que automatizam essa análise, os sites se atualizam rapidamente, permitindo que novos clientes possam levá-lo.

Por que não vender apenas pelo marketplace?

Se nesse momento você está se perguntando se vale a pena vender apenas pelo marketplace, a resposta é: depende. Tudo varia de acordo com os seus objetivos de negócio.

Sendo assim, é importante considerar também as vantagens de ter o seu próprio site ou utilizar as redes sociais pra vender os produtos, além do marketplace. Confira!

Possibilidade de personalização

A plataforma do marketplace apresenta as características da empresa responsável. Desse modo, os elementos da sua marca não são vinculados às compras, o que prejudica o reconhecimento da loja.

Se o seu objetivo é ficar na memória dos clientes, a loja virtual oferece bem mais chances de conquistá-lo. Afinal, é possível estruturar o site da própria maneira, priorizando a identidade visual da sua empresa. 

Facilidade de fidelização

Contar com o próprio canal de vendas também ajuda bastante na fidelização dos clientes. Esse é um resultado da personalização, que auxilia na recordação do nome e dos elementos associados à marca.

Desse modo, os consumidores que gostaram do atendimento personalizado e dos seus serviços têm mais facilidade pra retornar. Além disso, o site estará sempre vinculado aos canais de comunicação da marca, facilitando o acesso do público em geral.

Contato direto com o público

A comunicação direta com os potenciais clientes e consumidores fiéis faz toda a diferença no sucesso de um negócio. Por meio dos próprios canais de venda, isso é facilitado. Dessa maneira, é possível otimizar o atendimento, melhorar a atração e aumentar as chances de conversão.

Viu só como ter loja virtual e marketplace é uma boa ideia para o seu negócio? Assim, todos os benefícios de ambas as plataformas se unem pra oferecer mais oportunidades de sucesso em suas vendas. E, pra ter ainda mais facilidade nesse processo, já sabe, não é? Não deixe de contar com as facilidades de um bom integrador e desfrute de todas as vantagens que você viu neste post.

Quer saber como dar o primeiro passo? Conheça o Magalu Marketplace e veja como você pode vender mais e sem burocracias!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa