Mix de produtos para lojas de piscina

5 dicas para definir o mix de produtos para lojas de piscina

Manter um bom mix de produtos para lojas de piscina é fundamental pra atrair e fidelizar consumidores que precisam dessas mercadorias. Esse tipo de cliente costuma ser fiel, já que as demandas por manutenção são recorrentes.

Logo, manter um estoque diversificado é ideal pra que o cliente não precise procurar em diferentes lojas os itens necessários pra cuidar da piscina, não acha? Assim, você pode oferecer tudo de que ele precisa no marketplace.

Quer saber como definir o mix de produtos para lojas de piscina e garantir um bom faturamento? Então, confira as 5 dicas que preparamos pra você!

A importância de se ter um portfólio diversificado de produtos

O mix de produtos nada mais é do que a variedade de mercadorias que atenda à necessidade de um determinado público. Assim, o ideal é que você ofereça o maior número possível de artigos que atendam ao seu perfil de cliente ideal, a fim de fidelizá-lo, o que ajuda a aumentar as vendas e a lucratividade do seu negócio.

5 dicas para definir o mix de produtos para lojas de piscina

Agora que você já sabe qual a importância de ter um portfólio de produtos pra lojas de piscina diversificado, chegou a hora de conferir as dicas pra montar o mix de produtos da sua loja em marketplace, como aqui no Magalu. Acompanhe!

1. Conheça bem o seu público

Conhecer o seu público vai tornar possível selecionar os itens de piscina de primeira necessidade e também outros acessórios que podem ser adquiridos por impulso. Além disso, é bem possível que nem todos os seus clientes conheçam a fundo as reais necessidades da manutenção de uma piscina.

Por isso, apostar em bons descritivos de produtos é essencial pra educá-lo e também orientá-los. Outra boa estratégia é apostar em canais de comunicação, como chats, onde os consumidores podem sanar as principais dúvidas sobre limpeza e manutenção de piscinas.

E é justamente nessa hora que surge a oportunidade de, inclusive, ampliar um pouco o seu mix de produtos para piscina. É possível oferecer, por exemplo, medidores de pH e tabelas de periodicidade pra acompanhamento do tratamento.

Dessa forma, o seu negócio passa a direcionar as vendas de soluções com mais comodidade. Além disso, ao conhecer o seu cliente, você tem maior facilidade pra definir o preço da venda.

2. Analise a melhor época do ano pra vender

Muita gente acredita que o verão é o ápice das vendas de produtos pra piscina. Na verdade, a manutenção desse espaço deve acontecer o ano todo, e pode, em algumas regiões, ser impulsionada no verão, mas não é uma regra.

O Brasil tem regiões onde as temperaturas não sofrem uma variação muito significativa. Por isso, é recorrente que a utilização das piscinas tenha seu ápice em períodos corridos de até 8 meses.

Já as regiões mais frias, como as do sul do país, esse ápice pode cair pra 4 meses. É por esse motivo que você deve conhecer bem o clima pra ter o conhecimento de quais épocas do ano haverá sazonalidade nas vendas, e se seu estoque deve ser maior ou menor.

3. Atente ao prazo de entrega

Assim como acontece em outros segmentos de varejo, o prazo de entrega é muito valorizado pelos consumidores de artigos pra piscinas. Pode ocorrer de o cliente comprar pra já usar os produtos no final de semana.

Logo, é preciso ser claro quanto ao prazo de entrega dos itens e somar esforços pra que não haja atraso. Do contrário, isso pode render avaliações negativas e comprometer a reputação da sua marca.

4. Ofereça produtos que tornem a experiência mais atrativa

Além dos produtos básicos pra limpeza e manutenção da piscina, procure oferecer itens acessórios, que componham uma melhor experiência para o seu consumidor. Boias, espreguiçadeiras, guarda-sol, toalhas de banho e outros itens podem trazer soluções para os compradores, tornando a experiência no marketplace mais completa e atrativa.

5. Faça uma descrição chamativa dos produtos

Quando o assunto é marketplace, uma boa descrição de produtos é fundamental pra atrair o consumidor e tirar as principais dúvidas deles. Além disso, como comentamos, uma descrição completa e chamativa ainda pode educar o seu consumidor, ajudando-o a fazer uma manutenção mais eficiente da piscina, ao mesmo tempo em que você eleva os seus rendimentos.

Definir o mix de produtos para lojas de piscina fica mais fácil se você seguir essas dicas que separamos, não concorda?

E aí? Gostou deste artigo sobre mix de produtos para lojas de piscina? Confira também como vender aqui no Magalu Marketplace!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa