marketplace ou loja própria

Onde concentrar suas vendas online: marketplace ou loja própria?

O e-commerce é um fenômeno de crescimento desde que surgiu aqui no Brasil, por volta dos anos 2000. O setor arrecada bilhões de reais a mais a cada ano, devido às facilidades que traz aos consumidores e, também, aos varejistas. A dúvida comum entre aqueles que querem entrar para o comércio eletrônico é: devo escolher um marketplace ou loja própria?

A internet é bastante democrática e permite que todos façam suas transações de compra e venda. Em um primeiro momento, a maioria das pessoas pensa que é preciso criar um site pra disponibilizar produtos. Porém, isso não é necessariamente uma verdade, já que diversas plataformas online agrupam, em um só lugar, os itens de inúmeros comerciantes.

A questão não se trata sobre o que é melhor ou pior, mas, sim, sobre qual método de venda combina com o momento atual do seu negócio. Por isso, elencamos abaixo as vantagens e as desvantagens de ambos, pra que você decida entre marketplace e loja própria. Que tal? Confira!

Devo considerar uma loja própria?

É claro que abrir uma loja virtual própria é uma ótima ideia. Mas é fundamental entender os tipos de investimentos que precisam ser feitos pra que ela deslanche, senão a frustração bate e nem entendemos o porquê. Isso se deve ao fato de que não basta apenas colocar um site no ar pra que as vendas comecem a acontecer — é preciso atrair os clientes pra loja. Mas, calma, vamos por partes!

Vantagens da loja própria

A principal vantagem da loja própria é ter o total controle sobre o negócio. Você é quem cria promoções pra chamar a atenção dos clientes e é responsável por todos os desdobramentos da relação, inclusive no pós-venda, claro.

Fortalecer a marca, engajar a clientela e ter uma boa reputação no mercado, tanto pela qualidade dos produtos quanto pela atenção no atendimento, são missões suas. Então, podemos resumir que as vantagens da loja virtual própria são:

  • o poder de reforçar a marca;
  • a autonomia pra personalizar a plataforma e criar promoções;
  • o engajamento e a proximidade com os clientes. 

Desvantagens da loja própria

Como a gente disse, você precisa atrair os clientes pra sua loja virtual, certo? Logo, vai ser preciso investir em marketing digital. Caso contrário, ninguém vai saber da existência da sua empresa e, no fim, acaba sendo perdido um dos maiores benefícios de vender online: o alcance da marca.

Mesmo com uma boa quantia direcionada à divulgação de produtos na internet, pode demorar um tempo até que o seu nome tenha uma boa reputação no mercado, gerando retornos em visitas, vendas e engajamento no site.

Resumindo, as desvantagens da loja própria são:

  • a dificuldade em atrair clientes e gerar tráfego para o site;
  • os investimentos em divulgação e marketing digital;
  • a possível demora no retorno.

Por que optar por vendas em marketplace?

Os marketplaces funcionam como enormes shoppings virtuais. São plataformas online que concentram e disponibilizam produtos de inúmeros vendedores, de todas as partes do país. Há alguns que vendem de tudo, enquanto outros são focados em um mercado de nicho. Muito bacana, não é?

Vantagens do marketplace

Seja qual for seu interesse, os diferentes setores e as variadas marcas se ajudam no sentido de gerar tráfego para os produtos. Então, a principal vantagem de vender em marketplace é a alta visibilidade que essa plataforma já tem. Afinal, esses sites são visitados todos os dias por milhões de usuários — o que aumenta as chances de sucesso.

Além disso, os custos de divulgação ou são compartilhados com as demais marcas ou são realizados pela plataforma. Aqueles gastos com a criação e a manutenção da loja própria também não existem aqui, ok? E não podemos nos esquecer de falar sobre a credibilidade que os marketplaces já têm, o que encoraja os consumidores a comprarem por ali.

Então, podemos destacar como vantagens do marketplace:

  • o baixo investimento pra entrar no e-commerce;
  • a grande visibilidade;
  • a marca já é consolidada no mercado;
  • a estrutura de pagamento e envio de encomendas já está pronta;
  • a possibilidade de anunciar em mais de um marketplace.

Desvantagens do marketplace

Como nem tudo são flores, existem algumas desvantagens do marketplace em relação à loja própria. A principal delas é a taxa de comissão por venda efetuada, o que pode reduzir um pouco a margem de lucro. A concorrência também costuma ser acirrada, já que sempre há um varejista disposto a vender seu item por um real (ou um centavo) a menos que os demais.

Desse jeito, pode ser difícil estabelecer uma relação com seus clientes e fortalecer a sua marca, pois a experiência de compra do consumidor é com o marketplace e não diretamente com você. Além disso, é preciso, obviamente, seguir todas as regras que a plataforma impõe.

Entre as desvantagens do marketplace estão:

  • a dependência da plataforma;
  • a alta concorrência;
  • o comissionamento;
  • a menor presença da sua marca.

Como escolher entre uma loja própria ou marketplace?

Como a gente comentou no início do post, não existe um meio de venda melhor ou pior que outro, mas aquele que vai trazer mais benefícios. Em suma, uma loja própria e um marketplace são plataformas diferentes, mas não excludentes.

Isso significa que dá pra, ao mesmo tempo, usufruir das vantagens (e driblar as desvantagens) de cada canal de venda. A escolha vai depender, no fim das contas, do status do seu negócio no momento.

No geral, não é recomendado que a pessoa iniciante nas vendas dependa só do site próprio — é custoso e demorado de conseguir tráfego pra uma loja virtual. Tenha em mente que a decisão errada nessa etapa pode significar a quebra de uma empresa, viu?

Por outro lado, se sua marca já tem um site próprio, mas você gostaria de aumentar a visibilidade e as vendas, apostar na diversificação de canais pode ser a grande solução. Dessa forma, adotando uma estratégia combinada, dá pra ampliar os pontos de contato com a sua clientela.

É inegável como o e-commerce segue em expansão no setor comercial, concorda? E as mudanças econômicas e comportamentais dos últimos tempos têm acelerado as tendências do consumo virtual. Por isso, dê um jeito de acompanhar esses avanços, seja com marketplace, seja com loja própria, e impulsione o seu negócio!

Que tal conhecer o marketplace do Magalu mais de perto? Entre no nosso site e veja os benefícios de ser um parceiro!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa