Por que criar uma buyer persona?

Essa estratégia ajuda a entender como conquistar seus clientes!

Sabia que definir uma buyer persona pode ajudar bastante seu e-commerce a aumentar as vendas? Pois é! Ela é uma personagem que vai deixa mais simples entender a linguagem ideal pra falar com seu público-alvo e saber qual tipo de oferta e produto são mais interessantes pra sua loja vender bastante, por exemplo. Quer compreender melhor essa estratégia? Nós aqui do Magalu temos dicas bem legais! Vem ver!

Como criar uma buyer persona?

Olha, a buyer persona é uma personagem que você vai criar com base em muitas informações diferentes, tá? A ideia é que ela seja a pessoa ideal pra ser a sua cliente, aquela que tem tudo pra se interessar pelos seus produtos e serviços, sabe? Daí, quanto mais detalhes você tiver dessa persona, mais simples vai ser desenvolver outras estratégias de venda que possam aproximar outros clientes da sua empresa.

Se você tá começando seu e-commerce agora, um bom jeito de começar a sua buyer persona é pesquisando em redes sociais. É fundamental ter o máximo de informações sobre esse público. Se a sua loja vai vender moda gestante, por exemplo, é importante saber:

  • Quais são as peças de moda gestante fundamentais pra uma mulher grávida? E no pós-parto?
  • Quais tecidos são mais em conta?  E os preferidos das gestantes em custo-benefício?
  • Que vantagens elas gostariam de ter nas roupas, mas é algo que ainda não foi criado ou é pouco acessível?
  • Tem empresas que já são bem conhecidas nesse segmento? Que marcas as mamães admiram?
  • Quais outros temas as gestantes mais debatem nesses grupos em que você entrou?

Enfim, essas são apenas algumas das perguntas que você pode ter em mente. O ideal é procurar todos os dados que podem ajudar a entender as mamães que querem usar moda gestante.

E quando tiver navegando nas redes sociais, aproveite pra entrar na conversa e perguntar pras pessoas se algo não ficou claro pra você! Isso pode fazer muita diferença na hora da captar detalhes que vão ajudar a mostrar os produtos ideais pro seu público, viu?

E como aproveitar meus clientes pra criar a buyer persona?

Pra quem já tem muitos clientes, fica ainda mais fácil criar a buyer persona ideal! Afinal, daí dá pra contar com a opinião deles também. Um bom jeito de fazer isso é aplicar uma pesquisa, mas atenção: só pode mandar e-mails com perguntas se tiver a autorização das pessoas pra enviar mensagens promocionais! Senão, tem um risco de o cliente ficar incomodado e com uma impressão ruim a seu respeito.

E, se tiver essa autorização, vale a pena também pensar num presentinho pela participação na pesquisa, viu? Pode ser um desconto na próxima compra, por exemplo. Assim, as chances de participação no seu questionário são maiores!

A quantidade de perguntas nessa pesquisa pode variar. Leve em conta que, quanto mais perguntas tiver, menor as chances de a pessoa chegar no fim. Um questionário de 5 minutos, por exemplo, já pode te dar informações bem importantes!

Vale a pena dar uma olhadinha nos concorrentes?

Sim, muito! Ver o que os clientes da concorrência comentam pode dar muitas ideias legais. Nesse caso, vale tanto pesquisar os perfis dos concorrentes nas redes sociais como dar uma pesquisadinha em sites de reclamação de clientes, viu? Eles são fontes incríveis pra entender o que evitar e como contornar qualquer situação delicada.

Olha, com todas essas informações, dá pra ter uma ideia de quem é a persona ideal da sua loja. É legal ter a idade da mulher, no caso do exemplo de gestante, e outros detalhes como estilo de vida, profissão, preço médio que ela costuma gastar a cada compra e quais outros temas interessam a ela além da maternidade. Quanto mais detalhes, melhor!

Pode até dar um nome e criar um desenho com o rostinho da buyer persona. Daí fica mais fácil trazer a ideia que ela representa pro dia a dia da sua empresa, viu?

E não precisa ter só uma buyer persona! Você pode criar uma mamãe jovem, empreendedora, com o primeiro filho como uma persona e outra com uma mulher na faixa dos 40 anos, executiva e também mãe do primeiro filho, por exemplo. Daí pode pensar estratégias pra alcançar esses dois públicos considerando todos os dados que levantou.

Só evite criar muitas personas porque daí começa a ficar complicado administrar tantos perfis diferentes. Três buyers personas é um ótimo limite, tá?

Ah, e quer umas dicas pra montar um e-mail marketing incrível depois que terminar sua buyer persona? Nessa matéria aqui eu tenho algumas dicas ótimas!

Nós aqui do Magalu ficamos sempre de olho em tudo o que pode te ajudar no seu e-commerce, viu? Gente, ser parceiro do Magalu é sucesso na certa!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa